Use Suas Emoções para Sentir seu Caminho de Volta ao Bem-Estar

24_o

Nosso sentido de visão é diferente do da audição e nosso sentido olfativo é diferente do toque, mas mesmo sendo diferentes, todos são vibrações interpretativas.

Em outras palavras, quando nos aproximamos de um forno quente, nosso sentido da visão não diz necessariamente se ele está quente; nosso sentido de audição e nosso sentido do paladar ou olfativo não são normalmente os que usamos para reconhecer um forno quente. Mas quando nos aproximamos do forno com o corpo, os sensores em nossa pele fazem comsaibamos que o forno está quente.

Nascemos com tradutores vibracionais sensíveis, desenvolvidos, sofisticados, que nos ajudam a entender e definir nossas experiências.

 

E, da mesma maneira como utilizamos nossos cinco sentidos físicos para interpretar nossa experiência de vida física, nascemos com outros sentidos – nossas emoções – que são intérpretes vibracionais que nos ajudam a entender, a cada momento, as experiências que estamos vivendo.

 

:: As emoções são indicadores de nosso ponto de atração.

 

Nossas emoções são nossos indicadores do conteúdo vibracional de nosso Ser, a todo momento. Assim, quando nos tornamos conscientes do sentimento de nossas emoções, também podemos estar conscientes da vibração que estamos emitindo.

Uma vez que combinemos nosso conhecimento sobre a Lei da Atração com nossa consciência da vibração que estamos emitindo no momento presente, então estamos no controle integral de nosso próprio poder no ponto de atração. Com esse conhecimento, podemos orientar nossa experiência de vida da maneira como escolhermos.

Nossas emoções – simples, puras e únicas – são nossa relação com a Fonte de Energia (Deus).

 

E se nossas emoções nos dizem tudo o que queiramos ou precisemos saber sobre nossa relação com a Fonte de Energia, podemos nos referir às nossas emoções como: Sistema de Orientação Emocional.

Quando tomamos a decisão de vir para esse corpo físico, aceitamos completamente nossa conexão eterna com a Fonte de Energia. Soubemos que nossas emoções são os indicadores constantes que podem nos fazer saber, a todo momento, o nível de relação entre nós e a Fonte de Energia. Sendo assim, quando abrimos espaço para essa poderosa orientação a que temos acesso, não nos sentiremos em situação de risco, confusão – apenas um senso de aventura e verdadeira liberdade.

 

:: As emoções são indicadores de nosso alinhamento com a Fonte de Energia.

 

Embora sempre alinhados/conetados com a Fonte (), são os pensamentos aos quais damos atenção que dão a ideia substancial do alinhamento ou desalinhamento com a Energia Espiritual (não física) que verdadeiramente é quem somos!

Com o tempo e a prática, chegamos a reconhecer, em cada momento, nosso nível de alinhamento com quem realmente somos.

Somos absolutamente livres para criar. Mesmo quando não sabemos disso porém nos concentramos nas coisas que estão em harmonia com o que somos, sentimos um absoluto contentamento.  Porém, quando temos pensamentos/atitudes que são contrários à nossa verdade, sentimos o oposto: falta de poder e dependência. Inevitavelmente todas as nossas emoções caem em algum lugar nessa gama entre a alegria e a falta de poder.

Quando temos um pensamento que ressoa nosso verdadeiro eu, sentimos harmonia no corpo físico. Alegria, amor e senso de liberdade são exemplos desse alinhamento. E quando temos pensamentos que contrários ao nosso verdadeiro eu, sentimos desarmonia em nosso corpo físico. Depressão, medo e senso de dependência são exemplos desse desalinhamento.
(Fonte: Abraham através de Esther & Jerry Hicks)

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Matérias Relacionadas