Descubra Por Quê Sua Insatisfação Atual é a Chave para o Seu Sucesso no Amor!

Alguém “suprindo” aquela carência que bate às vezes é uma solução remediadora para quem não quer compromissos.

Mas, e quando as coisas mudam de rumo? Quando um dos lados se envolve e “se apaixona”?

 

A pessoa começa a viver aos poucos um desgaste emocional.

 

Fica dedicando pensamentos, intensificando os fatos e muitas vezes coloca a outra num pedestal

Mesmo em silêncio, dentro da pessoa acontece um “engrandecimento” da situação, do vínculo.

E começam os pensamentos:

1) Será que acabar com essa história é dar chance a uma nova pessoa?
2) Já deu o que tinha que dar?
3) É melhor um na mão do que bla-bla-bla
4) Quero mais atenção… (***)
5) O silêncio está me sufocando… (***)
6) Me sinto vítima e não gosto disso… (***)
7) Não quero receber um “não” oficialmente.
8) Se houver mais compromisso tudo vai terminar…
9) Acho que sou viciado(a) na nossa química.
10) Estou me sentindo prejudicado(a).

Aos poucos seu comportamento poderá ser o de cobrar da outra pessoa o que ela não deu e talvez nem queira dar.


:: Situação problemática?

Se olhar para o contexto todo e souber as perguntas e RESPOSTAS para a sua INSATISFAÇÃO tudo vai ficar mais simples.

Quer saber por que?

>> É sempre assim: o que não agrada REVELA o que poderá agradar!

Neste caso “a insatisfação” REVELA MAIS AINDA a necessidade de investir em AUTO-CONHECIMENTO.

 

E, ao se conhecer melhor, percebe que talvez deva sair dos extremos:

Numa hora bem resolvido, n’outra indeciso.
Numa hora bem desencanado, n’outra neurótico.
Numa hora bem batalhador, n’outra desmotivado.
Numa hora bem amado, n’outra rejeitado.
Numa hora causador, n’outra vítima.

 

*** Talvez tenha de aceitar que é cada hora de um jeito… E não apenas REFLEXO (teatral) de comportamentos sociais padronizados.

*** Talvez perceba que está exagerando.

*** Talvez GANHE MUITO mais do que possa imaginar agora!

*** Talvez expanda a percepção do seu potencial criativo…

*** Talvez toda a sua vida fique SATISFATÓRIA e coerente.

*** Talvez a paixão revele o quanto ela(ele) é de fato interessante e importante.

*** Talvez ela(ele) corresponda.

 

*** Mas talvez não…

 

Texto de Adri Alves

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Matérias Relacionadas