Os Dez Compromissos (ou Moisés e os 10 Mandamentos)

moises-guilherme-winter-encara-as-aguas-do-mar-vermelho-em-os-dez-mandamentos-1446566641791_846x470

Vamos falar sobre Moisés. O Moisés Sagrado. (risos)

(Canalização de Saint Germain – por Tobias)

Assim, vamos falar dessa pessoa querida, Moisés, que eu conheço em outras dimensões. Ele já esteve aqui como convidado. Moisés também encarnou como o que vocês chamam de Maomé. Moisés é maravilhoso para resolver problemas do povo, se eram escravos, se eram pobres, ele era excelente nisso. Entrar em grupos dos mais necessitados e carregar seus problemas.

Eu digo isso a Moisés – eu disse isso ao próprio Moisés em uma de nossas discussões – ele não era um bom líder, realmente. Carregou coisa demais em seus ombros. Aborrecia-se muito com as coisas. Moisés tinha um péssimo humor! Mas também foi um mártir por seu próprio mérito… (Tobias começa a rir) Cauldre finalmente acordou e está ouvindo a canalização! (muitos risos da audiência e de Tobias) É isso que você ganha, Cauldre, pela soneca! (mais risos). Deixamos escapar essa bem perto de você. Sim, Cauldre, estamos falando dos Dez Mandamentos. (mais risos)

Bem, para resumir! Assim, Moisés, aproximadamente em 1300 AC, há muito, muito tempo, Moisés subiu ao topo da montanha – Monte Sinai – e encontrou a sarça ardente. Bem, ele pensou que fez isso. Foi um tipo de ilusão, mas foi sua própria raiva e sua própria frustração com seu povo e consigo mesmo, com sua liderança. Ele sentiu “Que tipo de líder é esse que passa 40 anos vagando pelo deserto? (risos) Que tipo de líder é esse que não consegue dar respostas ao seu povo? Que tipo de líder sou eu?”, pensava ele, subindo a montanha. Mas realmente muito aborrecido com seu grupo. Achava que eles eram uns incapazes. Sentia que se eles eram estúpidos o suficiente para seguir um líder ineficiente, eram realmente estúpidos. (risos)

Assim, ele subiu ao topo da montanha e encontrou a sarça ardente, que, na verdade, era um símbolo da sua própria ira e frustração. E também era um símbolo de transformação porque ele e seu povo estavam achando que tinha realmente chegado a hora – precisou chegar – de algumas mudanças. Assim, nesse inspirado momento de consciência Moisés ouviu a voz de Deus, mas que, na verdade, era sua própria voz. Ele estava ouvindo um Shoud bem no topo da montanha com sarça ardente. Atribuiu isso a Deus, claro, porque não sabia a quem mais atribuir.

Mas neste momento inspirador, ele recebeu os Dez Compromissos do Espírito, os compromissos do que o Espírito – seu espírito – fará por vocês. Dez compromissos que o seu – o que vocês chamam de Eu Superior, seu eu divino, tem com vocês todo dia. Moisés recebeu esses compromissos. Obviamente que ele não os escreveu nas tábuas naquela hora. Seria muito peso para carregar montanha abaixo. (risos) Mas ele desceu a montanha depois dessa experiência incrivelmente transformadora e sagrada, pleno do que vocês chamam de luz, pleno de nova consciência, louco para renuir seu povo e contar-lhes sobre os Dez Compromissos do Espírito ou de Deus. Para compartilhar com eles o desejo de Deus de co-criar, de compartilhar com eles o fato de o Espírito já estar lá e de ser eles.

Mas, conforme descia a montanha, de volta para a vila, ele viu pessoas lutando entre si. Viu mercadores ludibriando fregueses. Viu pessoas roubando comida e coisas umas das outras. Viu pessoas praguejando umas às outras. Viu um casal fazendo amor no fundo de um beco, embora não fossem casados. Já entenderam, não? E ele disse, “Querido Deus, como posso compartilhar esses Compromissos que você deu com esses humanos decrépitos que ainda estão me seguindo? Como posso dar-lhes esses Compromissos, pois eles os profanarão? Farão até pior. Querido Deus, temos que conversar de novo”.

Deu meia-volta e subiu a montanha novamente – desta vez sem sarça ardente – sentindo-se muito zangado e aborrecido com seu povo, disse, “ Eles não precisam saber dos compromissos do Espírito, eles precisam de mandamentos. Precisam de regras, precisam de leis”. Jogou fora a inspiração que recebera. Desceu a montanha novamente, encontrou uma pessoa para gravar isso, sentou-se diante deles enquanto gravavam seus pensamentos e, realmente, originalmente, veio com os doze mandamentos.

Ao longo do tempo esses mandamentos sofreram mudanças, revisões e traduções chegando ao que vocês conhecem como os Dez Mandamentos e durante uns 3.300 anos eles têm sido a base da consciência da sua sociedade, por que boa parte do mundo atual segue esse tipo de religião ou filosofia. Portanto, isso está bem entranhado na consciência, e é desejo de vocês hoje, juntamente com Saint-Germain, Kuthumi, eu e a energia de todos aqui a falar sobre os Dez Compromissos da Nova Energia, os Dez Compromissos do Espírito.

Agora vou recitar o velho Mandamento – e gostaríamos se transformasse em uma interação de grupo – e vocês dizem “Moisés Sagrado!” (muita risada) chocados com o fato de isso algum dia ter sido gravado em uma tábua. E lhes explicaremos os Compromissos da Nova Energia do Espírito.

Mandamento número um:
Sou o seu Senhor Deus. Não terás outros deuses diante de mim.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés! (muitas risadas de Tobias e da audiência)

TOBIAS: O Compromisso da Nova Energia é muito simples – você também é Deus. Vocês são Deus também. Vocês são. Não existe nenhum pai no céu ou algo assim. Vocês são o criador. Vocês são Deus também. É simples, e esse é o compromisso, o compromisso que o Espírito já está aqui e já está dentro de vocês.

Agora o segundo mandamento: Não adorarás falsos ídolos.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés! (Tobias rindo e risadas da audiência)

TOBIAS: O Compromisso da Nova Energia é que vocês realmente têm todos os instrumentos dentro de vocês. Não precisam procurar por elas em nenhum lugar – todos os instrumentos. Vocês não precisam adorar cristais nem precisam esculpir estátuas de Deus. Podem admirar as belezas das coisas da Terra, mas vocês já têm todos os instrumentos dentro de vocês. Não procurem fora, porque eles já estão dentro.

Mandamento número três: Não tomar o santo nome de Deus em vão.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: A Nova Energia – ame-se e respeite-se. Ame-se. Não se sinta culpado por amar quem você é. Foi colocado na consciência que é errado amar-se. Então os humanos tendem a se amaldiçoar. Trata-se de amar-se sem julgamento, aberta e livremente.

Mandamento número quatro: Guardar o sábado.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: Isso é igual ao filme Rocky Horror Picture Show! (Tobias e audiência riem)

Dediquem um tempo a si próprios. Dediquem um tempo à respiração, ao reequilíbrio. Há tanta demanda de tempo e energia que vocês são puxados para todas as direções. À noite, vocês caem na cama exaustos, mas não conseguem dormir porque se preocupam com tudo e todos. Dediquem um tempo a si mesmos.

Próximo mandamento: Honrar pai em mãe.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: Agora como dissemos antes, se o Espírito realmente conhecesse seu pai e sua mãe, nunca teria escrito esse mandamento! (risadas) Na Nova Energia, trata-se de honrar o masculino e o feminino. Honrar o filho e os pais. Honrar todas as suas partes, todos os seus aspectos, permitindo-lhes voltar para casa, para vocês neste momento do Agora, na sua realidade. Honrar tudo o que se refere a vocês mesmos.

Próximo mandamento: Não matar.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés! (risos)

TOBIAS: Bem, esse é muito óbvio na Velha Energia, eu acho. Na Nova Energia – desfrute a vida. Goze a vida. É simples assim.

Vocês estão aqui na Terra. Assumiram tarefas e obrigações difíceis de serem líderes de consciência – gozem a vida. Vocês têm muitas regras criadas por pessoas como Moisés sobre… (Tobias ri)… O que podem e o que não podem fazer, assim vocês acham que é pecado gozar a vida e esse conceito tem sido perpetuado por praticamente tudo e todos. Mas que maior alegria do que realmente gozar a vida?
Apreciar a comida que comem, assim ela não se transformará em gordura no seu corpo. Ela se processará naturalmente livrando-se do que não precisa. Tenham prazer tirar um tempo livre, mesmo que seja para ler um livro, assistir televisão. Aproveitem a vida do momento que acordam até o momento em que vão dormir e também durante os sonhos. Gozem a vida. Como dissemos antes, estar aqui não é um castigo. Não é uma sentença de prisão. Não é um carma ruim que estão trabalhando. Por favor, gozem a vida.

Inspirem profundamente aqui…

 (pausa)

Certamente.

Agora, o próximo mandamento: Não roubar.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: Caros, vocês têm toda essa energia no seu interior. Não precisam tomar de ninguém e não precisam dar a ninguém. Há muito tempo, as pessoas roubam sua energia e vocês roubam a delas. Mas vocês chegaram a um ponto de soberania que percebem que a energia está dentro de vocês. Vocês têm toda a energia no seu interior.

Compreendam que não precisam roubá-la nem deixar que ninguém a roube de vocês. Procurem no seu interior as respostas, as soluções, qualquer coisa da sua vida. Não precisam roubá-la não deixem que roubem de vocês.

Inspirem isso profundamente…

 (pausa)

Próximo… Este é interessante: Não cometer adultério.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: (rindo) Alguns de vocês se sentiram muito culpados quando eu disse isso! (risadas) Por favor, liberem isso. Essa é uma energia cármica difícil se se ligarem a ela.

Este mandamento se refere, na verdade, novamente, a amar a si próprio. Refere-se a ser verdadeiro consigo mesmo, com o que vocês são. Não precisam procurar a resposta em nenhum outro lugar, refere-se a ser verdadeiro consigo mesmo. Vocês não precisam trapacear com vocês. Não precisam mentir sobre sua vida. Refere-se a aceitar todas as suas partes. Refere-se mais uma vez, a amar-se. Essa é a maneira da Nova Energia.

Inspirem profundamente…

 (pausa)

… E sintam como a energia está mudando.

Próximo mandamento: Não levantar falso testemunho contra teu vizinho.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: Pessoal, na Nova Energia, refere-se mais uma vez a confiar em si próprio. Confiar em tudo o que se refere a vocês. Que coisa maravilhosa confiar em quem você é. Confiar muito em quem vocês são, uma vez mais, vocês não precisam mentir, não precisam trapacear, não precisam roubar.

Vocês são o que são, e sentem orgulho em dizer isso. Vocês sabem que são Deus manifesto na Terra. Vocês sabem que são capazes de se equilibrar em qualquer momento. São capazes de criar nova consciência.

Agora o último mandamento: Não cobiçar os bens do próximo.

ENCONTRADORES: Sagrado Moisés!

TOBIAS: E assim, jogamos fora todos os velhos mandamentos.

E o último sobre não cobiçar os bens do próximo, refere-se a olhar novamente para a sua vida neste exato momento. Não precisam invejar ninguém. Não precisam desejar que tivessem feito de outra maneira. Refere-se a respeitar e honrar a si próprios pela maneira que escolheram agir no passado. Refere-se a pegar o que vocês consideram um erro que cometerem na vida e entrar nessa energia e perceber isso como uma experiência apenas. Foi uma escolha feita por vocês que os trouxe a este lugar. Não foi nada que fosse um erro, na verdade, foi algo que trouxe experiências maiores para o espírito da sua vida.

O compromisso do Espírito na Nova Energia é apoiá-los, reequilibrá-los, estar em vocês, rejuvenescê-los, conhecê-los e amá-los. Mas não se trata de um espírito em algum lugar distante. É o seu Espírito neste exato momento. E esses são os Compromissos do Espírito na Nova Energia.

Com isso, vamos fazer uma inspiração profunda, equilibrando a respiração neste dia…

 (pausa)

… E liberando todos os velhos mandamentos. Seja eles de Moisés ou os criados por vocês mesmos, libere-os. Vocês estão neste momento do agora. Estão nesta energia. Façam um compromisso com vocês mesmos de ser, amar, experienciar e expressar.

Eu sou. Namastê, e assim é. (risadas e aplausos)




Fonte:

Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, com o pseudônimo de “Cauldre”, Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia. O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências. Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O “Shoud” é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe. As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo. O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas. Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com todo este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado. Veja a pagina de contatos no websitehttp://www.crimsoncircle.com/

 © Copyright 2007 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.
www.novasenergias.net/circulocarmesim  Site Oficial do Circulo Carmesim. Todos os direitos reservados.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Matérias Relacionadas