Cada Pessoa é uma Pessoa

Cameron Gray

Todos nós agimos errado … até o momento em que desenvolvemos novas formas, mais evoluídas, de compreensão, auto-conhecimento.

Eu percebi estes dias que principalmente quando se trata de projetos em parceria – seja um namoro/casamento, sociedade, relacionamento familiar, etc. – a gente se arrepende – principalmente quando há uma ruptura – se remoendo, martirizando, refletindo, enfim.

E, não é incomum que na “próxima vez” a gente se apresse para acertar!

Exemplo 1 – um relacionamento amoroso que se rompe, deixando aquela coisa mal resolvida… é provável que haja uma projeção, aonde sem perceber a gente coloque a nova pessoa dentro de um contexto (quase dando continuidade), aonde muitas vezes agimos e reagimos em função do que ficou mal resolvido na relação passada.

Atitudes exageradas de zelo, demonstrações de afeto ou um amor enorme demais para pouco tempo, enfim… A gente ali, refletindo… e sem perceber que além de o relacionamento nem ter atingido maturidade, talvez a outra pessoa não queira. Ou se a outra pessoa também está “viajando”, aceita…

Talvez todo o seu esforço em corrigir o passado esteja te violentando, afinal a pessoa atual NÃO É A MESMA DO PASSADO!!

Também há o caso em que acontece o contrário… aonde a gente vê na pessoa atual o algoz do passado e foge, sabota, destrói a possibilidade de viver algo diferente, ataca e afasta o outro se privando de viver uma NOVA HISTÓRIA, uma boa história!

Exemplo 2 – um pai ou mãe frustradíssimos com suas escolhas do passado…desejando corrigir seus erros através dos filhos. Alguém por aí já viu isso? É bem comum filhos herdarem os sonhos e frustrações dos pais…

Quando estamos vivendo motivados em REPETIR ERROS ALHEIOS ou em REPETIR OS ACERTOS ALHEIOS, ou em SUPERAR AS FRUSTRAÇÕES ALHEIAS estamos aprisionados.

O passado não existe – a menos que cada um continue projetando.

Não é possível que a gente exista para ser MARIONETE ou vítima da falta de Autoconhecimento.

Cada pessoa é uma pessoa. Cada vida é uma vida.
Tudo facetas do TODO…

(Adri Alves)

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Matérias Relacionadas